Connect with us

Politica

“A pobreza extrema é um campo fértil para os traficantes de seres humanos, prostituição e o terrorismo no continente”

Published

on

O Presidente da República, João Lourenço, fez este pronunciamento, nesta segunda-feira, 24, aquando do seu discurso na abertura do 8ª Fórum Internacional de Dakar, sobre a paz e a segurança em África, que decorre desde ontem na capital senegalesa.

João Lourenço falou da necessidade dos líderes africanos olharem com maior preocupação para a questão da fome severa que assola milhares de africanos e vem ceivando vidas em todo continente.

“Segurança alimentar no nosso continente deve também merecer a nossa atenção por ser uma componente importante da paz e da segurança. A escassez de alimentos e de água para consumo humano tem várias causas que os nossos governos procuram superar com diferentes projectos e programas”, disse.

O chefe de Estado angolano chamou atenção sobre a seca que vem assolando o continente. “Contudo, a seca severa em algumas regiões do continente provoca verdadeiras catástrofes humanitárias, como acontece sazonalmente em alguns países do Sahel, na Somália e parte do Quénia, para citar apenas estes”, disse o presidente.

João Lourenço disse que, com a seca prolongada, vem a pobreza extrema, a perda de gado que às vezes constitui a única fonte de riqueza das populações. “A pobreza extrema é um campo fértil para os traficantes de seres humanos, para a prostituição, a emigração ilegal para a Europa ou mesmo para alimentar as fileiras dos movimentos fundamentalistas que provocam instabilidade e fomentam o terrorismo no continente”, rebateu.

O presidente relembrou aos estadistas do continente a atenção que devem ter com as alterações climáticas.

“Não podemos baixar os braços perante as consequências das alterações climáticas e suas consequências sobre as populações, sobre as economias, e que tem reflexos negativos na paz e segurança dos nossos países”, finalizou.

Recordar que o presidente João Lourenço participa, desde segunda-feira, 24, com outros chefes de Estados e de governo, no Fórum Internacional de Dakar, onde estão a debater o tema ‘África face a choques exógenos: desafios à estabilidade e a soberania’.

Continue Reading
1 Comment

1 Comment

  1. victor carlos

    25/10/2022 at 1:19 pm

    presidente de angola fala umas coisas parece caricatura, aka muitas das coisa que esta a falar ali no acola, aka vivesse em angola. então ele sabe mas não consegue mitigar o coiso tudo isso esta galopante preocupam ente em angola, perguntem ong as igreja, sociedade cível mas me custa muito, as não consigo apalpar o que de facto jl quer de concreto.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *