" />
Conecte-se agora

O encerramento das mesmas é parte do cumprimento da “Operação Resgate”, em curso no país com objectivo de repor a autoridade do Estado.

Também foram encerradas, hoje, as igrejas Ministério Leão Tribo de Judá, Jesus do Espírito e Ministério Jesus Cristo Rocha Principal – Coligação Cristã de Angola e a Comunidade Angolana dos Crentes Muçulmanos, pertencente ao Islão.

Desde o início da operação, a 06 de Novembro, foram já encerradas, na província do Huambo, as igrejas Pentecostal Carisma, Evangélica Berte do Tabernáculo, Fé Apostólica Americana e Hospital da Fé.

A Missão Evangélica de Reconciliação de Angola viu suspensas as suas actividades, de forma temporária, pelo facto do seu espaço não reunir condições para a realização de cultos, apesar de estar legal.

Ao todo, serão encerradas, nesta região do país, 37 igrejas ilegais, sendo que as próximas poderão ser a Deus Mundial, Visão Cristã, Metodista Episcopal de Angola, Apostólica Emanuel, Cristo é Companheiro.

Continue Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of