" />
Conecte-se agora

“Devo assegurar que não haverá instabilidade”, disse João Lourenço, em resposta a jornalistas portugueses quando questionado sobre os avisos deixados por Isabel dos Santos sobre os riscos de uma futura crise política em Angola.

As declarações da Isabel dos Santos, foram feitas depois de ser conhecida uma entrevista muito dura dada pelo João Lourenço ao semanário português “Expresso” e depois de uma reação do pai em que este negou a acusação de que tinha deixado os cofres do país vazios.

Sobre os negócios de Isabel dos Santos, o Presidente a República não quis acrescentar mais explicações aos jornalistas portugueses presentes para uma entrevista conjunta que decorreu no último dia da visita de Estado a Portugal.

C/ OBSERVADOR