Connect with us

Efeméride

11 de Setembro: ataque que mudou o curso do mundo

Published

on

Foi há exactos 22 anos que ocorreu o ataque às Torres Gêmeas nos Estados Unidos da América, matando milhares de pessoas e que veio mudar o curso do mundo, com a declaração de terrorismo a determinadas acções que atentem ou que vitimem vidas humanas no mundo.

A tragédia, que ocasionou milhares de mortes, ocorreu quando dois aviões colidiram contra as torres gêmeas do World Trade Center, em Nova York, nos Estados Unidos.

O World Trade Center era um complexo de sete edifícios comerciais que foi inaugurado em 1973. Dentro estavam as Torres Gêmeas, que possuíam 110 andares e 417 metros de altura.

Segundo um artigo publicado a propósito, as torres abrigavam inúmeras empresas e estavam localizadas em uma das regiões mais valorizadas de Nova York. Chegaram a ser um dos maiores prédios do mundo, e eram um dos principais símbolos da cidade norte-americana.

Conhecido como um dos ataques mais impactantes de toda a história mundial, os atentados de 11 de Setembro têm sido matéria de ensino nas escolas fundamentais em todo o mundo.

Professores de história e geografia, no Brasil por exemplo, recomendam que os estudantes não só estudem os atentados de 11 de Setembro como facto histórico, mas também os motivos que levaram aos ataques e as consequências.

Os atentados de 11 de Setembro foram ataques suicidas cometidos por fundamentalistas islâmicos vinculados à organização chamada Al-Qaeda e liderada na época por Osama bin Laden. A partir deste ataque, a Al-Qaeda passou a ser considerada como uma organização terrorista, tendo o seu líder sido morto poucos anos depois.

Narrativas referem que os ataques iniciaram-se com o sequestro de quatro aviões comerciais por 19 terroristas. Os aviões sequestrados foram dois Boeing 757 e dois Boeing 767, que decolaram de diferentes locais do leste dos Estados Unidos, com direcção ao Estado da Califórnia, na costa Oeste.

Números dos atentados de 11 de Setembro

Os números dos atentados de 11 de Setembro impressionam até hoje, depois de 22 anos:

15 mil pessoas estavam dentro das Torres Gêmeas;

2.606 mortes em Nova York;

125 mortes no Pentágono;

246 mortes nos aviões (entre tripulação e passageiros);

19 terroristas mortos.